Mergulho Scuba

Mergulho Scuba

Mudar linguagem para Inglês
Mudar linguagem para Espanhol
Mudar linguagem para Português
Mergulho Brasil - André Seale
Mergulho Fernando de Noronha - André Seale
Golfinhos Fernando de Noronha - André Seale
Rio da Prata - Marcelo Krause
lagosta - Fernando de Noronha - André Seale
french angelfish - André Seale


Artigos


22/06/2008 - 13h42

O mergulho e a teoria da evolução

 
 

A+

A-

Altera o tamanho da letra



Quase todo mundo, pelo menos em algum momento da vida, já sentiu vontade de mergulhar. E quase todo mundo, um dia também já pensou "como deve ser difícil e perigoso!". Sinto muito, mas quem pensou isto estava completamente errado.

Charles Darwin no seu livro, "A origem das espécies", instigou o mundo a pensar sobre evolução. Segundo ele a evolução vinha da necessidade de adaptação ao meio e às mudanças, tornando as espécies mais aptas em função das necessidades ditadas pelo meio em que vivem.

Antigamente o mergulho era mais voltado ao uso militar e profissional como na execução de trabalhos subaquáticos em plataformas pontes, recuperação de artefatos em naufrágios etc. Existia grande possibilidade de falhas no equipamento e o esforço necessário para se locomover era maior pois o equipamento era muito diferente e pesado.

Durante a 2ª guerra o mergulho foi muito usado pelas forças armadas em operações de infiltração e reconhecimento tático. Com o final dos conflitos, muitos militares passaram a ensinar mergulho para pessoas que usariam estas técnicas para recreação e lazer. Por tudo isso, no início e por muito tempo o mergulho foi tido como uma atividade essencialmente masculina e de certa forma perigosa.

Com o avanço tecnológico, além novas técnicas de ensino, métodos padronizados e formação de profissionais na área, o mergulho tornou-se uma atividade acessível à maior parte das pessoas. Crianças, mulheres e pessoas mais idosas hoje podem apreciar as belezas submersas, antes privilégio apenas de homens jovens e com preparo físico de atletas. Os equipamentos utilizados hoje em dia são fabricados por várias indústrias por todo o mundo, a tecnologia e os materiais empregados, diferem muito dos usados antigamente:

Cilindros: servem para armazenar o ar que será usado durante o mergulho, o ar é colocado sob pressão e chega a 3000 lbs/PSI;
Reguladores: fornecem o ar para o mergulhador numa pressão adequada à respiração;
Coletes: equilibram o mergulhador na profundidade desejada, eles inflam ou desinflam através de um comando utilizando ar do cilindro. Na superfície funciona como uma bóia;
Máscaras: providenciam um espaço aéreo entre o olho e a água. O olho humano não enxerga em contato direto com a água;
Roupas: dão ao mergulhador proteção térmica, muito importante em águas mais frias, também protegem contra arranhões e eventuais queimaduras por seres marinhos;
Nadadeiras: impulsionam o mergulhador de maneira mais eficiente, sem elas seria praticamente impossível nadar com todo o equipamento.

Apesar de o mergulho hoje ser mais fácil e mais acessível que antes, é muito importante para quem tiver interesse em se aventurar pelas profundezas, buscar treinamento adequado, fazendo um Curso de Mergulho Básico em uma das centenas de escolas espalhadas pelo Brasil. A duração média desses cursos é de uma semana com aulas teóricas, práticas em piscina e saídas para mergulho no mar.

Percebe-se que as maiores inovações do mergulho, deveram-se não apenas à mera criatividade ou curiosidade, mas sim da necessidade do homem de se adaptar a um novo meio para o qual ele não foi preparado nesses anos todos desde a sua criação. Portanto, respire fundo e embarque nessa teoria da evolução.

A reprodução integral ou parcial de textos e fotos deste portal somente é permitida com créditos para o autor e link para a página de onde foi transcrito. É expressamente proibida a reprodução total ou parcial das fotos das galerias sem a autorização prévia dos fotógrafos, os quais estão devidamente creditados nos nomes das galeriasCaso você seja autor de alguma imagem ou texto publicados neste site e deseja remoção ou correção, clique aqui para preencher o formulário de solicitação.


Receba nossa NewsLetter
Name:
E-mail:
Código de segurança:
->